Literatura Espirita - Parte 1

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Hello people, como vocês estão? Espero que bem. :)
Essa semana vou apresentar quatro livros de linguagem espirita, que é um gênero muito lido atualmente. Eu gosto muito de historias espiritas, acredito que explicam muitos fatos cotidianos que as vezes não compreendemos, além de terem enredos ótimos.

Ninguém é de ninguém - Acabei de ler esse livro, e gostei muito. É uma lição de amor e vida. Mesmo para aqueles que não acreditem em Deus ou em espíritos, ainda assim é uma ótima opção de leitura e reflexão. Além do que você pode acabar se vendo em alguns personagens ou identificando pessoas próximas a você que se pareçam com eles, e assim de alguma forma conseguir compreendê-las melhor.

Esse livro não só fala sobre desapego aos bens materiais, como ao desapego às pessoas que se ama. Mostra que amar alguém é mais do que querer para si, e sim confiar, dar liberdade para o outro ser quem ele é. Ensina que para confiar no outro, primeiramente devemos confiar em nós mesmos, exercer o amor próprio e sempre se colocar no lugar do próximo. Além claro saber aceitar as diferenças das pessoas, e que não podemos forçar ninguém a nos amar ou querer estar perto de nós. Sobretudo que amar nunca se trata de sentimentos egoístas, possessividade e ciúmes. Uma leitura para todos!

Sem medo de viver - Este livro também é uma joia rara, uma leitura fácil e dinâmica. Mostrando muitos lados do ser humano, e fazendo uma reflexão sobre a vida e até onde conseguimos dominar nossos receios e impulsos. Uma leitura recomendada para todos e principalmente para quem enfrenta problemas de auto estima ou depressão.

Não, não se trata de um livro de auto ajuda, e sim de uma história motivadora, uma leitura na qual o leitor poderá se questionar a todo momento se os resultados que vem se apresentando em sua vida, não é o reflexo de suas próprias ações.
O personagem principal passa por vários momentos de complexo de inferioridade, e isso o faz parecer menor, sendo que ele tem um grande potencial.

Além de contar a história desse personagem, essa leitura nos ensina a perceber nossas próprias falhas, e a nos concentrarmos nas boas energias, a não permitir que a inveja e os maus fluidos possam nos atingir. É uma ótima leitura, independente do momento que esteja vivendo, entretanto, se você está num momento de dificuldade, ou conhece alguém passando por problemas, este é um livro que vai ajudar. Me ajudou! =)

Comentários
1 Comentários

1 comentários:

Carlos Rodrigues disse...

Lindona diz aew que já faz, pelo menos, uns 4 a 5 anos que eu li o "Ninguém é de Ninguém"?
Para mim a melhor autora de livros espíritas é a Zibia Gaspareto e Monica de Castro, dando enfoque à Monica de Castro.
Para mim o melhor livro, e o primeiro, espírita que já li foi "Até que a vida os separe", de Monica de Castro. Recomendo totalmente!

Apesar de eu já ter abandonado essa literatura já faz um bom tempo, a época em que eu lia livros como esses me fascinaram! Os melhores livros que já li pertencem a literatura espírita.

Abraços do CR!!

Já curtiu?

Popular Posts

Pensamentos


"Seja feliz com o que você já tem. O resto se consegue com o tempo!"

Mariana Lüdi

"A pedra que no papel nem serve para desenhar uma reta, dentro d'água faz círculos perfeitos!"

Heráclito

"Só ha duas maneiras de viver a vida; a primeira é vivê-la como se os milagres não existissem. A segunda é vivê-la como se tudo fosse um milagre."

Albert Einstein

"Pois nada que valha a pena provar pode ser provado, nem tampouco refutado; portanto, sê sábio. Adere sempre ao lado mais ensolarado da duvida!"

Lord Tenysson


Amigos Leitores

 
"O mundo de Mari" © 2012 | Designed by Bubble Shooter, in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions