Velha é a Mãe!

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Galerinha linda, essa postagem é profunda, quase filosófica, isso se realmente não for. 
Há dois meses, quase 3 para ser exata, completei ano( como diz minha avó). O fato de estar chegando aos 30, me fez querer compartilhar com vocês um pouco do sentimento que tenho quanto ao envelhecimento.

Se você é leitor(a) do blog, provavelmente já conhece uma postagem relacionada a essa, chamada "Não Podemos ficar Velhos?", se não conhece, então clique aqui. E nela falo sobre o desrespeito que enfrentamos ao ficarmos velhos. Aqui, quero tratar deste tema, talvez de um modo mais pessoal, pois apesar de ainda estar há alguns anos da velhice, ela, já me assusta.

O episódio que desencadeou este "medo", foi bem chato. Pois na ocasião, escutei de uma amiga de infância, que eu estava ficando velha. Nâo que eu tenha levado em conta, a forma perjorativa como ela escreveu a palavra, porque na cabeça dela, o fato de eu não rir de piadas pornográficas, me qualifica como chata e velha. O que me deixou triste, foi a forma como ela e muitas pessoas de sua idade pensam. De te colocar para escanteio, por acreditar que suas convicções e gosto são antiquados, e se são antiquados, é por causa de sua idade. E me tocou, a forma como essa pequena palavrinha me afetou, mesmo sem eu querer dar-lhe importância.

Eu me assusto com o fato, de nossa sociedade a cada vez mais valorizar a juventude, mas não a jovialidade, o espírito de coragem e esperança que nós jovens temos. E sim, valorizar a aparência da pele macia, do brilho dos cabelos, do corpo torneado, com suas curvas, e musculos perfeitos. Ainda que não sejam os corpos da moda, são corpos jovens. 

Me choca o fato, de pensar que talvez quando eu alcance os meus 40 ou 50 anos, todo o conhecimento adquirido ao longo de minha experiência de vida, não signifique nada, pois o que as pessoas querem, é um belo rosto sem rugas para admirar. Então, os meus anos de estudos, leituras e reflexões não valeram de nada, afinal, a beleza de meus cabelos negros estarão desgastadas pelo tempo.

Eu não entendo, como chegamos a isso. Como minha geração, e as outras que vieram depois, até mesmo as gerações passadas, nos deixaram chegar a tal ponto. Valorizamos tudo o que é material, queremos saber mais do que aqueles que vieram antes de nós, e passaram pelas mesmas provas. Queremos sempre ter mais, ser mais que os outros, obtendo coisas. Porém, não enxergamos, que nada destas coisas vão adiantar, se não damos valor ao que realmente se leva dessa vida: o aprendizado.

Eu espero chegar aos trinta, sem complexos ou culpa. E chegar a meia idade, feliz e realizada. Não importa como a sociedade esteja até lá, se vão me cobrar filhos, sucesso profissional e material, se vão me cobrar estar inteirona, se terei que falar gírias ou gostar de piadas pornôs, para estar por dentro.

E peço a você, que comece a fazer esse exercício, e se livre desses novos ideais de juventude e beleza eternas. Que você viva, experimente, tente. E acima de tudo, aprecie o envelhecimento como algo que faz parte de nossa existência, e é tão belo como o nascimento. Dessa maneira, não somente será mais fácil aceitar sua velhice, como nossos idosos serão muito melhores tratados e mais amados.


Fico por aqui por enquanto. Tenho muito mais a descorrer sobre esse tema, entretanto, creio que o que já escrevi nessas linhas, são o suficiente para que possam refletir a respeito. Provavelmente, volte a este tema em breve, com mais pensamentos e questões. 

Até a próxima reflexâo! :)

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Já curtiu?

Popular Posts

Pensamentos


"Seja feliz com o que você já tem. O resto se consegue com o tempo!"

Mariana Lüdi

"A pedra que no papel nem serve para desenhar uma reta, dentro d'água faz círculos perfeitos!"

Heráclito

"Só ha duas maneiras de viver a vida; a primeira é vivê-la como se os milagres não existissem. A segunda é vivê-la como se tudo fosse um milagre."

Albert Einstein

"Pois nada que valha a pena provar pode ser provado, nem tampouco refutado; portanto, sê sábio. Adere sempre ao lado mais ensolarado da duvida!"

Lord Tenysson


Amigos Leitores

 
"O mundo de Mari" © 2012 | Designed by Bubble Shooter, in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions